O que Jesus fez ao longo da Semana Santa?

O que Jesus fez ao longo da Semana Santa?

O Senhor Jesus veio ao mundo para sofrer por pecados que não cometeu para salvar a humanidade. A missão de Jesus o fez passar por grandes momentos de vergonha, rejeição e muita dor. 

Mas você já se perguntou o que Jesus fez em sua última semana de vida? Este texto vai te contar o que Ele fez, antes do momento de sua crucificação.

O que é a Semana Santa?

A Semana Santa é a mais importante semana no calendário Cristão. Ela marca os últimos acontecimentos de Jesus, antes de Sua morte. 

Esta semana inicia no Domingo de Ramos e termina apenas no Domingo de Páscoa, quando Ele ressuscitou.

O Domingo de Ramos na Semana Santa

O Domingo de Ramos marca a entrada triunfal de Jesus em Jerusalém. Em um jumentinho, que simbolizava a humildade, Jesus chegou à cidade.

Com ramos nas mãos e colocando suas vestes no chão, as pessoas receberam Jesus em Jerusalém que marcou o início da Semana da Santa. 

“E a multidão que ia adiante, e a que seguia, clamava, dizendo: Hosana ao Filho de Davi; bendito o que vem em nome do Senhor. Hosana nas alturas!” Mateus 21:9

A segunda-feira na Semana Santa

Já na segunda-feira da Semana Santa, em Jerusalém, Jesus purificou o templo.

Você deve se lembrar da passagem Bíblica, em que Jesus entra no Templo e se depara com mercadores na porta. Isso o deixa completamente revoltado e Ele expulsa os mercadores.

“E entrou Jesus no templo de Deus, e expulsou todos os que vendiam e compravam no templo, e derribou as mesas dos cambistas e as cadeiras dos que vendiam pombas;” Mateus 21:12

Mas, além de expulsar mercadores, neste dia da Semana Santa, Jesus também curou aqueles que estavam no templo precisando de um milagre.

“E disse-lhes: Está escrito: A minha casa será chamada casa de oração; mas vós a tendes convertido em covil de ladrões. E foram ter com ele no templo cegos e coxos, e curou-os.”  Mateus 21:13-14

Ele tomou esta atitude, porque ficou muito indignado em ver tamanho desrespeito e irreverência com a casa de Deus. 

A Terça-feira na Semana Santa 

Na segunda-feira à noite o Senhor Jesus amaldiçoou a figueira  e na terça-feira da Semana Santa, pela manhã, a figueira estava morta. 

“Vendo uma figueira à beira do caminho, aproximou-se dela, mas só achou nela folhas; e disse-lhe: Jamais nasça fruto de ti! Mateus 21:19

As folhas que Jesus encontrou na figueira, neste momento da Semana Santa, dava a ideia de que a árvore possuía frutos, já que esta espécie de árvore dá primeiro os frutos e só depois as folhagens. 

Isto representa a nação de Israel, que naquela época cumpria com rituais religiosos, mas não era completamente envolvida com as coisas de Deus. Tinham apenas a aparência bons e piedosos.

A Quarta-Feira na Semana Santa

Neste dia, Jesus estava jantando na casa de um homem e uma mulher pecadora derramou um perfume caríssimo nos pés de Jesus e secou com seus cabelos. 

“Ao saber que Jesus estava comendo na casa do fariseu, certa mulher daquela cidade, uma ‘pecadora’, trouxe um frasco de alabastro com perfume, e se colocou atrás de Jesus, a seus pés. Chorando, começou a molhar-lhe os pés com as suas lágrimas. Depois os enxugou com seus cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume.” Lucas 7:37,38

Ela era conhecida como pecadora e isso carregava um preconceito muito grande, pois representava vergonha. 

Deste modo, ela não era bem-vinda entre os fariseus, mas ainda assim foi até onde o Senhor Jesus estava para derramar o perfume em seus pés. 

Ceia de Jesus

A Quinta-feira da Semana Santa

Já a quinta-feira da Semana Santa, foi marcada pela última ceia do Senhor Jesus com seus discípulos (Veja em Mateus 26:20).

Neste mesmo dia, da Semana Santa,  o Senhor Jesus foi traído por Pedro, mesmo ele tendo negado que o faria. 

“Disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que, nesta mesma noite, antes que o galo cante, três vezes me negarás. Disse-lhe Pedro: Ainda que me seja mister morrer contigo, não te negarei. E todos os discípulos disseram o mesmo.” Mateus 26:34,35

Além disso, neste mesmo dia da Semana Santa, Jesus foi para o Getsêmani, lugar onde ficou sozinho e já sofria na pele a dor de seu sacrifício. 

Seu sofrimento era tão grande que seu suor se transformou em sangue (Veja em João 22:44) e Ele pediu para que, se fosse possível, Deus passe o cálice de sofrimento, mas que, sobretudo, a vontade do Pai fosse feita.

“E, indo um pouco mais para diante, prostrou-se sobre o seu rosto, orando e dizendo: Meu Pai, se é possível, passe de mim este cálice; todavia, não seja como eu quero, mas como tu queres.” Mateus 26:39

Foi neste momento, também, que o Senhor Jesus apresentou profunda tristeza:

“Então lhes disse: A minha alma está cheia de tristeza até a morte; ficai aqui, e velai comigo.” Mateus 26:38

Depois de passar pelo Getsêmani, o Senhor Jesus foi levado à prisão, ainda na quinta-feira. 

Jesus No Getsamani

Sexta-feira na Semana Santa 

A sexta-feira Santa, foi o dia em que Jesus foi crucificado. Nesta sexta-feira, após ser apresentado a Pilatos e a Herodes, Jesus foi condenado por crimes que não cometeu.

A multidão pedia que Jesus fosse crucificado e Barrabá solto. Este momento, então, marcou a crucificação de Jesus.

No momento da morte de Jesus, na sexta-feira santa, houve um grande terremoto na terra em que ficou ainda mais provado que Ele era mesmo o Filho de Deus.

“E o centurião e os que com ele guardavam a Jesus, vendo o terremoto, e as coisas que haviam sucedido, tiveram grande temor, e disseram: Verdadeiramente este era o Filho de Deus.”  Mateus 27:54  

A sexta-feira da Semana Santa é muito importante, porque foi neste dia que o Senhor Jesus consumou Sua vinda à terra. 

Sábado na Semana Santa

O sábado é conhecido como sábado de aleluia. Neste dia da Semana Santa, o Senhor Jesus foi ao inferno.

 “E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno.” Apocalipse 1:18

Além disso, neste dia da Semana Santa, o Senhor Jesus também foi ao inferno e pregou para os mortos. 

“Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito; No qual também foi, e pregou aos espíritos em prisão;”  1 Pedro 3:18,19

Domingo na Semana Santa

Domingo, na Semana Santa, é o Domingo de Páscoa. Foi exatamente no domingo que o Senhor Jesus ressuscitou, cumprindo o que havia dito. 

Ele, porém, disse-lhes: Não vos assusteis; buscais a Jesus Nazareno, que foi crucificado; já ressuscitou, não está aqui; eis aqui o lugar onde o puseram.”  Marcos 16:6 

Portanto, o domingo de páscoa nada tem a ver com ovos de chocolates ou coelhinhos, mas com a ressurreição de Cristo, que morreu por nós para perdoar nossos pecados.

Jesus e os discípulos

Por que a ressurreição é a Páscoa?

No passado, quando uma pessoa pecava, tinha de oferecer um animal perfeito para que ele morresse por seus pecados. 

“Fala aos filhos de Israel, dizendo: Quando uma alma pecar, por ignorância, contra alguns dos mandamentos do Senhor, acerca do que não se deve fazer, e proceder contra algum deles;” Levítico 4:2

Assim também, quando o espírito da morte passou pela terra do Egito, para que Faró libertasse o povo de Deus, Ele deu a orientação a Moisés e Arão  para que todas as famílias sacrificassem um animal e que passasse o sangue nas portas, a fim de que a casa fosse protegida. 

Deste modo, quando o espírito da morte passasse pelo Egito, o povo Hebreu seria poupado da dor e sofrimento. 

Jesus foi este sacrifício perfeito. Ele veio à terra ser aquele que expiaria os pecados da humanidade e cumpriu sua missão sem pecar. 

Assim como os animais expiavam os pecados das pessoas, o Senhor Jesus levou sobre si os pecados de todas as gerações.  

“E, visto como os filhos participam da carne e do sangue, também ele participou das mesmas coisas, para que pela morte aniquilasse o que tinha o império da morte, isto é, o diabo; E livrasse todos os que, com medo da morte, estavam por toda a vida sujeitos à servidão.” Hebreus 2:14,15

O Jejum da Alegria Completa e Semana Santa

Agora, mais de dois mil anos após esta série de episódios na vida de Jesus, celebramos a Semana Santa como forma de lembrar de tudo o que Ele fez e passou.

Este ano, especialmente, já no primeiro dia da Semana Santa, iniciará o Jejum de Daniel, que este ano está sendo chamado de Jejum da Alegria Completa.

Esta Semana Santa será ainda mais especial, pois todos os que desejam encontrar a Alegria Completa passarão por um processo de santificação.

Ao longo de 21 dias, quem deseja santificar-se deixará de lado informações, filmes e séries seculares. 

Deste modo, a Semana Santa marcará o início do processo de quem deseja santificar-se para receber a Alegria Completa, que é decorrente do batismo com o Espírito Santo.

Novela Jesus

Motivos para fazer o Jejum de Daniel 

– Aumenta sua comunhão com Deus;

– Deixa de ouvir vozes contrárias à sua fé;

– Recebe o Espírito Santo;

– Aumenta sua fé;

– Mais tempo para o que importa;

– Encontra a Alegria Completa. 

O Univer Vídeo e o Jejum da Alegria Completa

Neste processo de santificação, que iniciará na Semana Santa, o Univer Vídeo é um aliado de quem deseja encontrar a Alegria Completa.

Recheado de filmes, séries e documentários cristãos,  o Univer Vídeo possui conteúdos de fé que auxiliarão quem participar do Jejum de Daniel. 

No Univer Vídeo, inclusive, há conteúdos sobre a Semana Santa e a crucificação de Jesus, assim como novelas bíblicas e reuniões do Templo de Salomão ao vivo.

Clique aqui e confira uma lista de conteúdos para serem assistidos durante o Jejum da Alegria Completa.

Assine Univer Vídeo 

O Univer Vídeo tem planos que partem de R$18,90 para duas telas assistirem ao mesmo tempo. 

Os planos são mensais e anuais e podem ser feitos por meio de cartão de crédito e boleto bancário. Faça sua assinatura e desfrute do melhor conteúdo cristão no Jejum da Alegria Completa.

Compartilhe em suas redes mensagens de fé:

Mateus 21:9

Mateus 21:19

Apocalipse 1:18

1 Pedro 3:18

Marcos 16:6

Levítico 4:2

Autor(a): Equipe Univer Vídeo

  • Compartilhe nas redes sociais:
  • Blog Univer Vídeo - Facebook
  • Blog Univer Vídeo - Twitter
  • Blog Univer Vídeo - Whatsapp

Assine nossa Newsletter e não perca as novidades!